Noticias

Décimo caso de raiva em morcego é confirmado em Feira de Santana

Feira de Santana, cidade localizada a cerca de 100 km da capital baiana, Salvador, registrou o décimo caso de raiva em morcego. A informação foi divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde, que ressaltou que não há registros de pessoas infectadas com a doença.

Imagem ilustrativa

A raiva é uma doença viral transmitida principalmente por mordida ou arranhões de animais infectados, como morcegos, cães e gatos. É uma enfermidade grave e fatal se não tratada adequadamente.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, desde o início do ano, foram registrados dez casos de raiva em morcegos na cidade. Medidas estão sendo tomadas para controlar a situação e evitar a propagação do vírus.

A população está sendo orientada a evitar o contato direto com morcegos e outros animais silvestres, além de manter a vacinação em dia dos animais domésticos. Também é importante notificar as autoridades locais caso seja encontrado algum morcego morto ou comportamento estranho em animais.

Apesar dos casos registrados, até o momento não há informações sobre pessoas infectadas com a doença em Feira de Santana. A Secretaria Municipal de Saúde reforça que está monitorando a situação de perto e tomando as medidas necessárias para proteger a população.

É fundamental que os moradores estejam atentos às recomendações das autoridades de saúde e adotem medidas preventivas para evitar a raiva. A prevenção é a melhor forma de combater essa doença grave e garantir a segurança de todos.

A Secretaria Municipal de Saúde está disponível para esclarecer dúvidas e fornecer mais informações sobre a raiva e as medidas preventivas que devem ser adotadas.

Devido aos novos casos, a equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) vai aplicar vacinas em cães e gatos até sexta-feira (27).

Caso um morcego morto seja encontrado em Feira de Santana, o morador é orientado a acionar imediatamente o Centro Municipal de Controle de Zoonoses pelo número (75) 9 9851-8583 para que o animal seja recolhido e submetido a exames para verificar se estava infectado com o vírus da raiva.

Se a pessoa for mordida por um cachorro ou gato, ela também deve ir ao setor da antirrábica, no Centro de Saúde Especializado Dr. Leone Coelho Lêda (CSE) para acompanhamento.

Confira os locais de vacinação:

25/10
Alto do Rosário – Posto de Saúde e equipes volantes
Santo Antônio dos Prazeres – Equipes volantes

26/10
Alto do Rosário – Equipes volantes

27/10
Condomínio Vila de Espanha (SIM), das 9h às 10h
Condomínio Parque das Cores (SIM)
Condomínio Terra Nova I (SIM)
Condomínio Alegria 1 (Santo Antônio dos Prazeres).

Com informações do G1 Bahia

CURTA NOSSAS REDES SOCIAIS

  

Atenção, não somos responsáveis pelos comentários