Samu recebeu 26 mil trotes até maio deste ano

Pode até parecer uma brincadeira inocente, mas o trote tem sido um grande desafio para o Samu – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. De acordo com balanço da corporação, das 300 mil ligações recebidas nos cincos primeiros meses de 2019, pelo menos 26 mil eram trotes. Foram mil a mais do que os 25 mil registrados no mesmo período do ano passado.

Ainda segundo o Samu, além de dificultar o atendimento de quem realmente precisa, o trote também resulta em gastos desnecessários do dinheiro público. Na maior parte das vezes, a equipe consegue identificar a falsa emergência antes de deslocar uma viatura, mas nem sempre esse controle é suficiente.

De acordo com o diretor do Samu, Alexandre Garcia, a maioria das ligações é feita por crianças, e neste período de férias escolares, a expectativa é que esse tipo de ocorrência aumente.

Em todo o ano de 2018, das 903 mil ligações recebidas pelo Samu, 78 mil foram trotes.

Por Daniel Costa – Supervisão: Jéssica Gonçalves – EBC

error: Conteúdo bloqueado...
%d blogueiros gostam disto: