O filme “Chica”, da diretora Andrea Guanais, terá exibição em Lençóis

O filme “Chica”, da diretora Andrea Guanais, terá exibição na próxima terça-feira (7), às 19h, no Teatro de Arena, em Lençóis. Protagonizado pela atriz lençoense Rose Lane, o curta-metragem traz a história de uma garimpeira negra, que vive do suor de seu trabalho, e faz um retrato do garimpo na Chapada Diamantina. O evento, que tem acesso gratuito, é promovido pelo Cineclube Fruto do Mato – projeto de cinema ao ar livre que, em sua segunda edição, privilegia as narrativas de mulheres negras no audiovisual. A realização é da Cinepoètyka Filmes e do Ponto de Cultura Grãos de Luz e Griô, com apoio do Rumos Itaú Cultural.

Rodado em Lençóis, o filme foi selecionado pelo projeto Revelando os Brasis, em 2017 e, segundo a diretora, que é professora de História em Lençóis, a intenção foi fazer uma etnografia da questão do garimpo na região, tensionando o lugar da mulher nesse universo masculino. “Tiveram mulheres garimpeiras aqui na Chapada, eu conheci uma de nome Chica, embora não se trate de uma biografia. Aqui teve muita história de morte de tocaia, de gente que ficou rica da noite pro dia, de coronel que enriqueceu tomando o poder na bala. Quis mostrar, entre outras abordagens, o poder dos coronéis subjugando os mais pobres, as mulheres, elementos da realidade que se perpetuam com outras roupagens hoje. Minha inspiração é a vida no garimpo e o papel da mulher nesta profissão”, explicou Andrea Guanais.

Além da sessão no centro de Lençóis, o filme será exibido também na comunidade quilombola de Iúna, na quarta (8), às 14h30, na Escola Municipal da Comunidade Quilombola Iúna. Haverá exibição, ainda, em Remanso, na sede da Sociedade Beneficente dos Pescadores, na quinta (9), a partir das 19h.

As informações são do A tarde Uol

%d blogueiros gostam disto: