LEM: Adolescente que ateou fogo e matou jovem por homofobia é morto a tiros

Um adolescente, de 14 anos, responsável pela morte de Guilherme de Souza, de 21 anos, vítima de homofobia, foi morto a tiros na madrugada desta segunda-feira (7) em Luís Eduardo Magalhães, no Extremo Oeste baiano. Segundo a polícia, dois homens a bordo de uma moto dispararam em torno de 15 tiros contra Kauan Xavier. Ele chegou a ser socorrido para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu.

Em julho deste ano, Kauan Xavier foi apreendido pelo crime e levado para uma unidade de internação em Salvador. Depois de passar 45 dias na capital baiana, o adolescente foi liberado pela Justiça para responder o crime em liberdade. Ele foi morto nesta segunda quando se dirigia para casa após sair do “Bar do Turista”, na rua Ibitiba, no bairro Santa Cruz.

Ainda segundo a Polícia, quando foi apreendido pela morte de Guilherme de Souza, o adolescente disse que teve uma discussão com a vítima, que teria xingado a mãe dele. No entanto, as investigações revelaram que o motivo do crime foi homofobia.

%d blogueiros gostam disto: