Idoso de 80 anos toma Viagra e acaba matando a esposa após ela mudar de ideia e recusar sexo

Um indoso de 80 anos esfaqueou a esposa até a morte depois de ela ter prometido fazer sexo com ele na noite de Natal (25 para 26/12), mas ter mudado de ideia depois de ele já ter tomado um comprimido de Viagra. O ataque ocorreu na residência do casal em Fanano di Gradara (Itália).

Imagem redes sociais

Vito Cangini foi acusado de matar a esposa Natalia Kyrychok, 61 anos, depois de uma discussão em que o italiano acusou a mulher de estar atraída pelo patrão, contou o jornal “The Sun”. Esse, acredita, ele, pode ter sido o motivo para que Natalia desistisse de fazer sexo.

O octagenário matou Natalia e deixou o corpo ensanguentado no chão, antes de ir para a cama dormir, como se nada tivesse acontecido.

Casa onde os dois moravam

Mais tarde, no mesmo dia, o idoso telefonou para o restaurante onde sua esposa trabalhava como chef e disse ao proprietário que ele nunca a veria novamente. “Sei que algo está acontecendo entre vocês dois“, acrescentou ele. O patrão da vítima ligou imediatamente para a polícia.

As informações são do Extra

Kleber Medrado

Kleber Medrado é Jornalista com registro profissional 0006598/BA, editor Chefe do SeLigaChapada.com.brDesde 2013 trazendo informações da região Chapadeira para o mundo.

%d blogueiros gostam disto: