Ex-baterista do Estakazero, Paulo Perrone morre após parada cardíaca

0

20110719EX

Morreu na noite desta sexta-feira (27) Paulo César Perrone, ex-baterista da Estakazero, vítima de uma saidinha bancária em 2011. Por telefone, a irmã do artista, Lidiane Roriz, disse na manhã deste sábado (28) que o jovem teve complicações e uma ambulância particular foi chamada. Ele foi encaminhado para o Hospital das Clínicas onde teve uma parada cardíaca por volta das 2h da manhã e faleceu.

 Ainda de acordo com Lidiane, a mãe do baterista, Lúcia Roriz, está “péssima. Pior do que antes”. Ainda não há informações sobre o enterro do rapaz e a família aguarda laudo do Instituto Médico Legal (IML).
Saidinha Bancária
O músico foi vítima de uma saidinha bancária em 2011 quando levou um tiro na cabeça ao sair de uma agência do Banco Bradesco no Caminho das Árvores, em Salvador. Desde então, a família passou a lutar na Justiça para que o banco custeasse o tratamento do baterista, o que não aconteceu. Em 2012, a polícia prendeu Luiz Claudio Dacttes Magalhães, conhecido como Dinho, acusado de participação do crime envolvendo Perrone. Também foram presos: Leonardo Bruno dos Santos Santana, 26 anos, apontado como autor do disparo que vitimou o músico e os irmãos Clécio de Sousa Alves, 24, e Cássio de Sousa Alves, 26.
Sofrimento
Ano passado, Lúcia Roriz, mãe do baterista Paulo Perrone (ex-Estakazero), recebeu a reportagem do Bocão News em sua casa, em Lauro de Freitas, para contar a rotina da família desde que Perrone tomou um tiro na cabeça.
Na entrevista ela contou como recebeu a notícia, como foram os primeiros dias de internação e como a fé moveu esta família que se desdobrou diariamente para manter vivo o rapaz que respirava música, antes de ter sido mais uma vítima da violência em Salvador.
iFonte: bocaonew

Comentários

Clique aqui para comentar sobre esta informação

Share.

About Author

Deixe uma resposta