Noticias

Com prisão de cinco criminosos, Reconhecimento Facial já auxiliou na captura de 900 foragidos da Justiça

Só em 2023, 327 homicidas, traficantes, estupradores e procurados por diversos outros delitos acabaram presos com o auxílio do reconhecimento facial.

Novecentos criminosos foragidos da Justiça foram localizados e capturados com o auxílio do Sistema de Reconhecimento Facial da Secretaria da Segurança Pública. Os últimos cinco procurados foram localizados até esta sexta-feira (30) e eram procurados por tráfico de drogas, prática de roubo, estupro de vulnerável e dívida por pensão alimentícia.

Foragido da Justiça de São Paulo, um homem com dívida de pensão alimentícia ingressou na festa de São Pedro, no Parque de Exposições, e foi o 900⁰ capturado após acionamento da tecnologia, implantada para garantir a tranquilidade dos forrozeiros. Ele foi captado com mais de 95% semelhança.

Em Serrinha, as câmeras inteligentes flagraram com mais de 94% de similaridade um homem com mandado expedido por prática de roubo. Ele acabou alcançado por policiais do 16⁰ Batalhão de Polícia Militar.

Dois traficantes foram presos no interior do estado. A primeira captura aconteceu em Teixeira de Freitas, Extremo Sul do estado, quando o criminoso foi apresentou mais de 95% de similaridade com o banco de dados da SSP e acabou alcançado pela 87ª CIPM. O segundo foi preso em Capim Grosso, com 94% de semelhança e conduzido pela 91ª CIPM para confirmação de documentos.

Ainda na região do Extremo Sul, no município de Itamaraju, um homem que procurado poe dívida de pensão alimentícia acabou conduzido por policiais da 43ª CIPM.

Alcance

Presente em Salvador e em mais de 70 cidades baianas, em 2023 a ferramenta auxiliou na localização de 327 pessoas.

A tecnologia foi implementada de forma piloto em dezembro de 2018, já alcançou procurados por crimes contra a vida e contra o patrimônio. A primeira captura aconteceu em 2019, com a prisão de um homem no carnaval de Salvador.

No ano passado, o alcance do sistema foi ampliado e levado para 77 cidades baianas da Região Metropolitana e do interior. Além de Salvador, entre as cidades onde ocorreram prisões aparecem Camaçari, Lauro de Freitas, Simões Filho, Pojuca, Candeias, Vera Cruz, Itaparica, Dias D’Ávila, Madre de Deus, Salinas da Margarida, Eunápolis, Porto Seguro, Vitória da Conquista, Itaberaba, Feira de Santana, Amargosa, Jequié, Eunápolis, Juazeiro, Seabra, Mucugê, Santo Estevão, Ibotirama, Capim Grosso, Senhor do Bonfim, Teixeira de Freitas, Valença, Itabuna, Senhor do Bonfim, Ilhéus, Irecê, Jaguaquara, Itamaraju, Barreiras, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus, Brumado, Paulo Afonso, Itapebi, Luís Eduardo Magalhães, Conceição do Coité, Serrinha e Casa Nova.

Crimes

Foram localizados criminosos com mandados expedidos pela Justiça pelas diversas modalidades criminosos como homicídio, latrocínio, feminicídio, sequestro e extorsão mediante sequestro, estupro e estupro de vulnerável, roubo qualificado e furto, tráfico de entorpecentes, associação e organização criminosa, violência contra a mulher, violência doméstica e descumprimento de medida protetiva de urgência, porte ilegal de arma de fogo, falsificação de documentos, lesão corporal, lavagem de dinheiro, estelionato, corrupção de menores, receptação, invasão de domicílio, ameaça, além de outros delitos.

Referência

Outros estados já visitaram a Bahia para conhecer a ferramenta, referência de sucesso na área da Segurança Pública. A solução também já foi apresentada em evento internacional de tecnologia, nos Estados Unidos.

CURTA NOSSAS REDES SOCIAIS

  

Atenção, não somos responsáveis pelos comentários